natal 2019 - dg e dc

natal 2019 - dg e dc

natal 2019 - ma e jlc

natal 2019 - ma e jlc

natal 2019 - af e pj

natal 2019 - af e pj

natal 2019 - nf e zb

natal 2019 - nf e zb

natal 2019 - ap e btp

natal 2019 - ap e btp

quinta-feira, 28 de junho de 2018

Chaveamento faz Copa ter grande chance de final inédita.

Com Brasil, Alemanha, Argentina, França e Uruguai de um lado do chaveamento, o Mundial da Rússia só tem uma possibilidade de reeditar uma final que já aconteceu: Brasil e Suécia. Os nórdicos, classificados em primeiro lugar de seu grupo, superando a tetracampeã Alemanha, estão na chave oposta à do Brasil.

Brasil e Suécia fizeram a final da Copa de 1958. Na ocasião, os brasileiros atropelaram os donos da casa por 5 a 2 e levantaram o primeiro de seus cinco troféus. Curiosamente, a Suécia é o time que mais enfrentou o Brasil em Copas do Mundo. A boa notícia para os brasileiros é que a Suécia jamais venceu o Brasil em Mundiais: em sete confrontos, foram cinco vitórias brasileiras e dois empates.

Em 1938, o Brasil venceu na disputa do terceiro lugar por 4 a 2. O confronto mais recente aconteceu na semifinal de 1994: 1 a 0, gol de Romário, de cabeça. Naquele Mundial disputado nos Estados Unidos, o Brasil também pegou a Suécia na fase de grupos, quando empatou por 1 a 1 - também com gol de Romário.

Nenhum comentário:

Postar um comentário